Aqui está o que significa quando seu cocô flutua, de acordo com gastroenterologistas

toilettes

Você já se perguntou por que seu cocô às vezes flutua no vaso sanitário? Bem, você não é o único! De acordo com gastroenterologistas, a flutuabilidade das fezes pode fornecer informações valiosas sobre a saúde digestiva.

Neste artigo, veremos o que significa quando suas fezes flutuam e por que isso acontece. As fezes flutuantes são frequentemente o resultado do aumento de gases nos intestinos, que pode ser causado por vários fatores, como dieta ou certos medicamentos.

Ao compreender as razões deste fenómeno específico, poderá compreender melhor a sua saúde intestinal e tomar decisões informadas sobre o seu estilo de vida.

Se você já se perguntou quais são os segredos dos seus bancos flutuantes, continue lendo para saber mais!

Causas de fezes flutuantes

Se suas fezes flutuarem, pode ser devido a diversos fatores, que os gastroenterologistas podem explicar.

Uma causa possível é o alto teor de gordura nas fezes. Quando você ingere alimentos gordurosos, seu corpo pode ter dificuldade em quebrá-los completamente, causando fezes gordurosas e flutuantes.

Outra razão pode ser a má absorção de nutrientes, como intolerância à lactose ou doença celíaca. Nestes casos, o corpo pode não absorver certas substâncias adequadamente, resultando em fezes flutuantes.

Potenciais problemas de saúde

A disfunção da vesícula biliar é um dos potenciais problemas de saúde associados às fezes flutuantes. A vesícula biliar é responsável por armazenar a bile, um fluido digestivo produzido pelo fígado. Quando a vesícula biliar não está funcionando adequadamente, pode causar um desequilíbrio da bile no sistema digestivo, resultando em fezes flutuantes.

Outras condições de saúde que podem causar fezes flutuantes incluem má absorção de nutrientes, distúrbios pancreáticos e infecções gastrointestinais.

Se você apresenta fezes flutuantes regularmente, é recomendável consultar um gastroenterologista para avaliação adicional.

Fatores dietéticos e fezes flutuantes

Para entender a relação entre fatores dietéticos e fezes flutuantes, os gastroenterologistas recomendam analisar seus hábitos alimentares.

Certos fatores dietéticos podem influenciar se as fezes flutuam ou afundam. Alimentos ricos em gordura, como alimentos oleosos ou gordurosos, podem fazer com que as fezes flutuem. Na verdade, a gordura é menos densa que a água.

Por outro lado, uma dieta rica em fibras pode ajudar no fluxo das fezes, porque as fibras acrescentam volume e densidade às fezes.

Quando consultar um gastroenterologista?

Para determinar se você precisa consultar um gastroenterologista, considere quaisquer sintomas persistentes ou preocupantes relacionados aos movimentos intestinais. Se você tem diarréia ou constipação frequente, sangue nas fezes, perda de peso inexplicável, dor ou cólicas abdominais, ou alterações nos hábitos intestinais que duram mais do que algumas semanas, talvez seja hora de consultar um médico.

Um gastroenterologista pode ajudar a diagnosticar e tratar quaisquer condições subjacentes que possam estar causando esses sintomas.